História Infantil de Cyro de Mattos Que Acontece Durante o Carnaval Da Bahia É Publicada na Itália

Capa

O livro “O Menino e o Trio Elétrico”, do escritor baiano  Cyro de Mattos acaba de ser publicado na Itália, pela Editora Romar, de Milão, com ilustrações da brasileira Petra Elster e tradução da poetisa italiana Mirela Abriani. O livro foi publicado no Brasil pela Editora Saraiva, coleção Mindinho e Seu Vizinho,  e já se encontra disponível em forma digital (eBook). “O Menino e o Trio Elétrico” conquistou em 2008 o Prêmio Maria Alice de Lucas, da União Brasileira de Escritores, Seção do Rio do Janeiro.

A narrativa infantil “O Menino e o Trio Elétrico” conta a história de Chapinha, um menino negro, de oito anos de idade,  que vende amendoim torrado nos ônibus de Salvador para ajudar no sustento a mãe e a  avó, que moram numa casa pobre perto do Dique do Tororó e vivem com dificuldades. Ele  sonha em brincar um dia o carnaval em um desses blocos de arromba que saem atrás do trio elétrico, com seus astros famosos, mas não consegue porque não tem dinheiro para comprar seu abadá.

Essa história do autor baiano trata pela primeira vez na literatura infantil brasileira do tema que  aborda o carnaval baiano com seus famosos trios elétricos, que virou  hoje coisa para turista e rico, e dos que não podem participar da festa.   Para um menino pobre como Chapinha, o seu sonho  é algo quase impossível de se realizar, porque um abadá a vestimenta que identifica um bloco, chega a custar  muito dinheiro. Na história de Chapinha e o trio elétrico cabem todos os cheiros de Salvador, com suas ladeiras e becos, santos e orixás, alegria de seu povo no agito de uma festa que faz a cidade trepidar por todos os cantos.

È o próprio autor que conta como foi motivado para escrever a história: “Certa vez eu estava dando um passeio pela orla de Salvador quando vi um menino negro entrar no ônibus para vender amendoim torrado aos passageiros. A festa do carnaval ia acontecer  dali a uma semana. Ia mexer, como sempre, na “alma” da cidade de todos os santos  e orixás, transformando-a numa onda de alegria, feita de ritmos e cores vibrantes, com os foliões pulando, cantando, abraçando e beijando… na maior felicidade..

“Ao retornar ao hotel à noite, imaginei como seria a vida daquele menino durante o carnaval, vendendo amendoim enquanto a cidade se divertia. Foi assim que começou a nascer esta história dentro de mim. Não vou contar se a história de Chapinha termina com a vitória da tristeza e a derrota da alegria. Bem, isso eu  deixo para você ler e sentir comigo todos os lances marcantes do primeiro livro que escrevi para meninos de todas as idades, ambientado na cidade de Salvador, Bahia, com seus dias embalados na folia.”

Advertisements
Explore posts in the same categories: Evento, Literatura, Livros & Autores

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: